terça, 19 de janeiro de 2016 - 10:52h - 4646
Governo analisa positivamente ações do esporte em 2015
Seguindo o cronograma de ações consideradas positivas, a Sedel realizou a capacitação de mais de 100 treinadores e monitores esportivos de todo o Estado.
Por:
Mesmo com toda a crise financeira que atingiu o país em 2015, o titular da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), Edinoelson Trindade, afirmou que o ano foi considerado positivo nas ações da pasta. As discussões com dirigentes esportivos no Fórum Estadual Amapá, Desporto e Lazer, que planejaram parte das prioridades do ano, a capacitação de monitores e treinadores de futebol, além do apoio nas diversas modalidades em disputas nacionais, estão entre os aspectos positivos apontados pelo gestor.

Os trabalhos de 2015 iniciaram com o planejamento das ações e atividades que seriam desenvolvidas durante o ano. Neste sentido, a Sedel realizou o Fórum Estadual Amapá, Desporto e Lazer que reuniu representantes de federações, gestores municipais e profissionais de educação física. Na prática, a intenção foi identificar as dificuldades enfrentadas por atletas e as entidades que realizam ações sociais e esportivas. O evento contou com a presença dos ex-jogadores da seleção brasileira de futebol, Branco e Edmilson. A maioria das diretrizes indicadas foi executada.

Seguindo o cronograma de ações consideradas positivas, a Sedel realizou a capacitação de mais de 100 treinadores e monitores esportivos de todo o Estado. A qualificação objetivou, principalmente, a aplicação correta no gerenciamento do futebol de base, além de contribuir na formação de fundamentos do esporte. Ao final da capacitação, os participantes receberam carteiras que os habilitam a buscar a melhoria de seus projetos e a captação de recursos da iniciativa privada.

A Sedel realizou a implantação de vários programas sociais que deram grande repercussão e incentivaram a busca por atividades esportivas, entre eles: o Programa Bem-Estar: Saúde, Esporte e Lazer, em que está incluso o Esporte e Saúde nas Ruas. Este projeto foi o carro-chefe das ações da Sedel em 2015, com grande aceitação da população. A intenção, entre tantos objetivos, era o de combater o sedentarismo por meio da prática de modalidades esportivas como corrida, handebol, basquete, natação, vôlei, entre outras. As atividades ocorreram nos centros didáticos atendidos pela Sedel. Mais de três mil pessoas, entre crianças, adolescentes, adultos e idosos, foram atendidos pelos projetos.

Ainda como parte das ações, a secretaria realizou a 1ª edição da Copa Amapá de Futebol Junior, reunindo representantes dos 16 municípios amapaenses, além do Paysandu do Pará. O Ypiranga foi o grande campeão e o Governo do Estado confirmou seu apoio às categorias de base locais. Foram inúmeras as competições que tiveram apoio do governo, do MMA ao judô, das corridas de rua às provas de atletismo, do boxe ao taekwondo. Este último com o incentivo do atleta Venilton Torres que disputou uma competição internacional no Egito, tendo o apoio incondicional do Estado.

No ano passado, foram mais de 7 mil atendimentos nas mais diversas modalidades, nos centros didáticos Avertino Ramos, Rosa Ataíde, Capitão Euclides da Cunha (piscina olímpica), Chico Noé, Augusto Antunes, Ginásio de Santana, Paulo Conrado, Raimundo Adamor (Beirol), Cepa e Estádio Estadual Milton de Souza Corrêa, o Zerão. Para 2016, a novidade será a implantação das aulas de ginástica rítmica.

O tênis de mesa também foi um dos esportes que recebeu o apoio do governo através do projeto “Diamante do Futuro”, que tem como objetivo a construção do Centro de Treinamento Olímpico e Paralímpico de Alto Rendimento. O centro conta com corpo técnico educacional que inclui psicólogos, pedagogos, fisioterapeutas, terapeutas e professores de educação física, tudo à disposição dos atletas. Além disso, o Estado assumiu a responsabilidade para trazer um técnico cubando para repassar técnicas aos alunos.

No boxe, o treinador Nelson dos Anjos, responsável por um projeto social desenvolvido no bairro Congós, teve o apoio quando parte de sua academia pegou fogo. A Sedel custeou as despesas com a reforma do local, além disso, atletas amapaenses participaram de competições nacionais graças ao apoio da Sedel. O Estado esteve presente ainda na realização dos Jogos Escolares, com as etapas local e nacional. O Amapá manteve a média no quantitativo de medalhas nas disputas nacionais. Foram mais de 200 competidores que viajaram para as mais diversas disputas e, como resultado, o Amapá presente no pódio em vários países e Estados.

 

Atletismo

De acordo com o secretário Edinoelson Trindade, um dos aspectos mais positivos se refere à inauguração da pista de atletismo do Estádio Olímpico Milton de Souza Corrêa, o Zerão. A mesma foi inaugurada com a realização da minimaratona Meio do Mundo e servirá de celeiro para potencializar talentos no atletismo amapaense. “Esse é apenas um exemplo de tantos pontos positivos que tivemos em 2015. A pista de atletismo era um anseio antigo e servirá para revelar vários talentos para o esporte amapaense. Dessa forma, junto com os programas sociais que desenvolvemos, com o apoio as modalidades esportivas, tivemos um saldo positivos”, afirmou.

O Governo do Estado realizou, no segundo semestre de 2015, a Copa das Arenas, competição que reuniu representantes dos bairros de Macapá e fomentou o futebol amador. Além disso, nos locais onde ocorriam os jogos, houve a geração de renda e movimentação de equipes, aquecendo a economia local.  Outra competição que teve saldo positivo foram os Jogos dos Servidores. Natação, futebol, atletismo e outras disputas ocorreram numa forma de integrar valorizar e proporcionar atividades esportivas aos servidores.

O Governo do Estado também apoiou o futebol profissional e as Ligas de Futebol Amador dos municípios. Por meio da Sedel, houve investimento nos campeonatos Intermunicipal e Profissional de futebol. Mais de R$ 1 milhão foram destinados e, como saldo, a presença do torcedor em cada partida no interior e na capital. Para este ano, ainda está prevista a reforma do Ginásio Avertino Ramos, palco das principais competições de quadra locais.  

 

2016

Segundo o secretário Edinoelson Trindade, para este ano, três importantes projetos poderão alavancar o esporte amapaense. O projeto Banco de Milhas, o programa Bolsa Esporte e a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte.

 

Banco de Milhas

A intenção do projeto é que Sedel possa gerenciar o controle das passagens aéreas utilizadas pelas secretarias estaduais. Atualmente, centenas de passagens aéreas são destinadas pelo Governo do Estado e as milhas se perdiam. Neste caso, a proposta da Sedel é destinar as milhas para as modalidades esportivas. A deputada estadual Roseli Matos já conseguiu a aprovação do projeto de lei, faltando apenas a regulamentação. “Foi uma das dificuldades de 2015. Vimos que as secretaria têm um custo elevadíssimo com a compra de passagens e as milhas das mesmas se perdiam. Com o banco de milhas, vamos ter como custear a participação de mais atletas nas disputas nacionais”, disse Trindade.

 

Bolsa Esporte

O projeto de Bolsa Esporte terá como objetivo fomentar as diversas modalidades esportivas na faixa etária de 12 a 17 anos. Os beneficiários terão direito a um salário mínimo e terão que atender a critérios como: boas notas, frequência escolar e ser federado, além de outras exigências. As atividades serão desenvolvidas nos centros didáticos e a intenção é fortalecer o trabalho da base. Além disso, a prática das modalidades é incentivar principalmente os esportes olímpicos e paralímpicos. Com o recurso, os alunos-atletas poderão custear despesas com quimonos, passagens de ônibus e na melhoria dos treinamentos. A lei precisa ser regulamentada.

 

Lei Estadual de Incentivo ao Esporte

A intenção é possibilitar que empresas possam ter abatimentos na carga de impostos em caso de apoio aos clubes, associações e entidades esportivas. Em vez de pagar determinada porcentagem de impostos, a iniciativa privada investiria nessas entidades, uma forma de patrocínio. A lei poderá ser um divisor de águas na busca por melhorias dos projetos sociais esportivos.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá