sábado, 30 de maio de 2020 - 18:31h - 4688
Amapá mantém suspensão de aulas presenciais e serviços públicos não essenciais até 30 de junho
Decreto nº 1790/2020 prorroga suspensão das aulas presenciais nas escolas e de serviços públicos não essenciais no Amapá.
Por: Gabriel Dias
Foto: Márcio Pinheiro
Waldez reforçou que a prorrogação das aulas busca resguardar a saúde dos colaboradores, alunos e familiares.

O Governo do Amapá prorrogou até o dia 30 de junho a suspensão das aulas presenciais nas escolas das redes estadual e privada, e também dos serviços públicos não essenciais. O Decreto nº 1790 foi assinado neste sábado, 30, pelo governador do Amapá, Waldez Góes, como medida de combate à Covid-19, em todo estado.

“Vamos manter suspensas as aulas e os serviços públicos não essenciais, como forma de resguardar a saúde dos nossos colaboradores, alunos e familiares, reforçando a necessidade de ficar em casa e evitar aglomerações, para prevenir o contágio da doença”, explicou Góes.

Mesmo com a suspensão das aulas presenciais, a Secretaria de Estado da Educação (Seed) seguirá trabalhado com oferta de atividades pedagógicas através de plataformas digitais como a Sala Virtual do Sistema de Gestão da Educação (SigEduc), Escola Digital e o Ava/Seed, além do canal no YouTube com aulas gravadas e ao vivo. São algumas das ferramentas disponibilizadas para continuidade do ensino.

LEIA TAMBÉM: Aprendizagem em Casa: portal reúne recursos digitais para apoio ao ensino

Já os alunos que não contam com acesso à internet, por exemplo, têm recebido auxílio dos professores por meio de cadernos de atividades.

LEIA TAMBÉM: Governo do Amapá entrega kit pedagógico para estudantes que não têm acesso à internet

O Estado também seguirá com a entrega do Kit Merenda em Casa para todos os estudantes da rede estadual, contendo alimentos perecíveis e também não perecíveis que compõe a alimentação escolar.

Todas as decisões do estado para enfrentamento da covid-19 têm sido tomadas com base em recomendações científicas.

Na última quinta-feira, 28, o governador do Amapá também assinou o Decreto nº 1782 que prorrogou as ações de isolamento social e o lockdown até o dia 2 de junho. O objetivo foi reforçar o trabalho que efetivou medidas ainda mais restritivas para o combate à covid-19.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá