domingo, 30 de dezembro de 2018 - 11:19h - 2381
Terminal Rodoviário registra aumento de 60% nas viagens intermunicipais no fim de ano
Setrap autorizou empresas que operam o transporte intermunicipal a trabalharem com a frota máxima de ônibus para atender a demanda de usuários.
Por: Nathacha Dantas
Foto: Irineu Ribeiro/Secom
Os destinos mais procurados são os municípios de Oiapoque e Laranjal do Jari

A Secretaria de Estado de Transportes (Setrap) autorizou as empresas que operam o transporte intermunicipal a trabalhar com a frota máxima de ônibus para atender a demanda de usuários que costuma aumentar no fim de ano. Entre os destinos mais procurados estão os municípios de Oiapoque, na região norte do Amapá, e Laranjal do Jari, na região sul.

Normalmente, apenas um ônibus sai com destino à Oiapoque por dia, mas o fluxo subiu para quatro partidas de ida e volta, com o horário fixo das 19h. Já para Laranjal do Jari estão sendo realizadas doze viagens diárias de ida e volta, nos horários de 8h, 12h, 22h, 23h e 23h20. Fora do período, esse número de viagens cai pela metade.

A autônoma Carine Dias viajou para Oiapoque na sexta-feira, 28, com o filho Paulo César, 7 anos, e a mãe Rita de Cássia, motivada pelas confraternizações de ano novo.

“Vou ao encontro do meu noivo, vamos comemorar a virada de ano na casa da família dele”, revela a autônoma.

Já o destino da dona de casa Marinéia Viana foi o município de Serra do Navio. Grávida de sete meses de um menino, ela chegou ao Terminal Rodoviário de Macapá com pouca bagagem e na companhia do primeiro filho e, da sobrinha, disposta a enfrentar as horas de viagem para não ficar longe do marido. 

“Meu marido viajou a trabalho e não podemos passar esse momento longe da família, por isso estou seguindo para lá”, afirma Marinéia.

A família de Francisco Carlos Torres, fez questão de acompanhá-lo até o Terminal Rodoviário, de onde partiu para Oiapoque. A esposa Edilene Torres revelou que o motivo da viagem é uma surpresa que o pai fará à primeira filha do casal, que mora há seis anos longe deles.

“Por mim iríamos todos, mas a família é grande e a condição financeira não permite. Mas o que nos conforta é que ele representará muito bem a todos nós e ela [a filha] ficará muito feliz”, conta Edilene emocionada.

De acordo com o diretor de Transportes da Setrap, Andrey Rêgo, só neste período de fim de ano, a venda dos bilhetes subiu 60%. Os valores das passagens variam de R$ 17 a R$ 115. “As escalas especiais serão executadas caso esgote as vendas dos bilhetes nos horários já estabelecidos. Nesse caso, cada empresa deve dispor de um a dois ônibus reservas”, explica.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Irineu Ribeiro/Secom

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá