sexta, 25 de maio de 2018 - 12:09h - 893
Procon orienta consumidor sobre denúncias de alta no preço do combustível
Com a nota ou cupom fiscal em mãos, é possível comparar os preços e comprovar se está havendo aumento injustificado no valor do produto.
Por: Andressa Serique
Foto: Maksuel Martins/Secom
Consumidor pode procurar o órgão no bairro Santa Rita ou informar o nome e endereço do posto nas redes sociais do órgão ou teleofone

O Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá (Procon/AP) começou instaurar procedimento administrativo para apurar se está havendo aumento injustificado no preço do combustível em Macapá e Santana.

O órgão tem recebido inúmeras reclamações de consumidores sobre a alta no valor do produto, que disparou esta semana, como reflexo os protestos de caminhoneiros em várias regiões do país, iniciados na segunda-feira, 21. Na capital Macapá, o movimento se concentra nas imediações da Rodovia Duca Serra, na zona oeste, e é monitorado pelo Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRE).

Sobre as reclamações a respeito do aumento no valor do combustível, o Procon/AP orienta que os consumidores exijam nota ou cupom fiscal e efetivem a denúncia na sede do órgão na Avenida Padre Júlio Maria Lombaerd, 2925-D, bairro Santa Rita, em Macapá, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h30. Em caso de recusa de emissão de nota ou cumpom fiscal, por parte dos estabelecimentos, o consumidor pode procurar o Procon/AP para que sejam tomadas as providências cabíveis.

Nas reclamações feitas em redes sociais (Facebook e Instagram) do Procon/AP ou pelos telefones 151 e (96) 3312-1010, o instituto orienta que seja informado o nome e endereço do posto de combustível reclamado, para que seja aberto procedimento administrativo.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá