terça, 21 de janeiro de 2020 - 13:47h - 1116
Placa Mercosul: saiba sobre a padronização, vantagens e facilidades
Novo modelo será obrigatório para veículos 0km, assim como para aqueles já emplacados e que decidirem mudar de categoria, de estado ou município.
Por: Ailton Leite
Foto: Maksuel Martins/Secom
Nova resolução passa a entrar em vigor a partir do dia 1º de fevereiro.

Automóveis e motocicletas 0Km terão que ser emplacados com o novo modelo de placas do Mercosul a partir do dia 1º de fevereiro. Mas não são só esses veículos que deverão se adequarem no processo de padronização.

Então, o que essa nova resolução vai mudar? Quem deve se adequar? Quais são as vantagens? E quais as facilidades? Veja abaixo essas respostas.

Sobre a mudança

De acordo com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran/AP), além de veículos novos, carros e motos que mudarem de categoria, ou seja, de aluguel para particular, deverão obrigatoriamente seguir as novas regras de emplacamento.

O mesmo deve ser seguido por proprietários de veículos que por algum motivo queiram trocar a unidade de federação ou município, também se enquadrarão obrigatoriamente, ao novo modelo de emplacamento.

Facilidades

A Nova Placa Veicular é o novo padrão de identificação de veículos, resultado de um acordo firmado, em 2014, entre Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. O objetivo é padronizar e facilitar a identificação dos veículos nos países vizinhos.

  • Letras e números - Em vez de 3 letras e 4 números, como é atualmente, as novas placas têm 3 letras, 1 número, 1 letra e 2 números (BRA 3A18).
  • Cor - O fundo das placas é branco. O que varia, é a cor dos números e letras. Veículos particulares: preto. Comerciais: vermelho. Carros oficiais: azul. Especiais em teste: verde. Diplomáticos: dourado. Colecionador: prata.
  • Localidade - O nome do país está na parte superior da placa, sobre uma barra azul. O estado e o município estão na lateral direita, acompanhados dos respectivos brasões.
  • Tamanho – A nova placa tem as mesmas medidas do modelo antigo: 40 cm de comprimento por 13 cm de largura.
  • Segurança – um QR Code armazena informações sobre o fabricante, data da fabricação e o número serial da placa. O código bidimensional pode ser lido por aplicativo, disponibilizando aos agentes de trânsito dados do veículo, do proprietário, do fabricante e do estampador da placa.

Valor da nova placa

No Amapá, o par das novas placas vai custar o mesmo valor do antigo modelo, segundo o Departamento Estadual de Trânsito. O diretor-adjunto do Detran, José Furtado, explica quem tem placa antiga pode também participar da atualização.

“Proprietários de veículos com placas antigas que queiram aderir ao novo modelo, podem ser assim desejarem, mudar para o novo sistema, mas, isso não é obrigatório”, ressaltou.

Vantagens

De acordo com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), os novos itens de segurança minimizam a ocorrência de fraudes e falsificações, como a clonagem de placas. A integração em um único sistema permite uma fiscalização mais eficiente.

Datas

O Detran/AP informa ainda que, estará recebendo processos de veículos – novos – já emplacados no modelo antigo até o próximo dia 23, para que se possa concluir o processo antes do dia 31.

O órgão alerta que, caso entre algum processo após esse prazo, o custo será efetuado dentro dos padrões do novo modelo de emplacamento.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá