quinta, 19 de março de 2020 - 17:37h - 472
Governo do Amapá reforça rede de apoio e diagnóstico com novos equipamentos
Além disso, Sesa contratou empresa para oferta de exames especializados e de rotina na rede hospitalar.
Por: Claudia Cavalcanti
Foto: André Rodrigues/Sesa
Rede estadual hospitalar é reforçada com novos equipamentos.

O Governo do Estado reforçou a rede hospitalar com a instalação das centrais de revelação, equipamentos responsáveis por digitalizar as imagens feitas pelos raio-x e com a início das atividades da nova empresa responsável pelos exames laboratoriais nas unidades de saúde.

Com os equipamentos dentro das unidades, pacientes internados poderão fazer o exame nos próprios hospitais com mais rapidez no diagnóstico. As centrais foram alugadas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), através de adesão a uma Ata de Prestação de Serviços.

Foram destinadas ao Hospital de Clínicas Alberto Lima (HCal), Hospital de Emergência (HE), Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML), Hospital da Criança e do Adolescente (HCA) e Hospital Estadual de Santana (HES).

Também, foram alugados dois tomógrafos, que serão divididos entre os hospitais Alberto Lima e de Emergência para a realização do exame nos pacientes internados, e no caso do HCal, também para atendimento ambulatorial.

As salas onde os tomógrafos irão funcionar já estão sendo preparadas e recebendo manutenção e reparos na estrutura física e rede elétrica. A empresa será responsável pelo treinamento das equipes dos hospitais para manuseio dos tomógrafos.

Outro equipamento que faz parte desse reforço é o arco cirúrgico, conhecido como intensificador de imagem, que permite obter imagens em tempo real de movimentos das estruturas internas de um paciente, ou seja, sem a necessidade de aguardar a revelação ou impressão.

O arco é usado principalmente em cirurgias ortopédicas e dará suporte ao setor cirúrgico do Hospital de Clínicas.

Licitação

O Governo do Estado contratou uma empresa, que iniciou a oferta de exames especializados e de rotina na rede hospitalar. A licitação garantiu atendimento para setores chaves da rede estadual de Saúde, como a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hcal.

As máquinas e materiais para analises das amostras dentro dos hospitais já foram encaminhados pela empresa para as unidades. Isso vai otimizar o atendimento e dará um suporte mais eficaz na melhoria do atendimento à população que depende do Sistema Único de Saúde (SUS).

A terceirização dos serviços traz uma maior segurança para os pacientes e economia para o Estado. As empresas terão um prazo previsto em contrato para reparo ou substituição dos equipamentos em caso de danos ou mal funcionamento, assim com uma prestação contínua dos exames.

Medidas

O contrato com a empresa de locação das centrais de revelação foi assinado em dezembro de 2019 e, no início deste mês, o contrato com a empresa de exames laboratoriais foi selado, sendo necessário um período para transporte e montagem dos equipamentos.

Em meio ao tempo para a conclusão desse processo, o Conselho Regional de Medicina do Amapá (CRM/AP) realizou uma interdição ética na UTI do Hospital de Clínicas, na sexta-feira, 13. A Sesa atendeu todas as recomendações da entidade e aguarda a regularização das atividades.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá