quinta, 17 de dezembro de 2020 - 15:23h - 2162
Com novos espaços, tradicional Escola Tiradentes é entregue pelo governador Waldez; é a 23ª unidade do Novo Saber
Entrega ocorreu nesta quinta-feira, 17. Entre os novos espaços, estão o refeitório, vestiários, escovódromo e laboratórios.
Por: Anne Santos
Foto: Maksuel Martins / Secom
Governador Waldez em visita aos novos espaços da Escola Tiradentes

Um ambiente aconchegante e inovador para proporcionar aos estudantes um aprendizado de qualidade. Assim está a Escola Estadual do Novo Saber Tiradentes, no bairro Santa Rita, em Macapá. Nesta quinta-feira, 17, o governador Waldez Góes entregou à comunidade escolar, o espaço ampliado e adaptado.

A escola tem 16 salas de aula e capacidade para atender até 560 alunos. Atualmente, são 375 estudantes matriculados no Ensino Médio, em período Integral, que serão beneficiados diretamente com os novos espaços. O Governo do Amapá investiu R$ 4.183.120,73 na obra, que consiste em refeitório, cozinha industrial, vestiários para professores e estudantes, banheiros, escovódromo, sala de professores, sala de planejamento pedagógico, sala de atendimento psicopedagógico, biblioteca, sala de leituras e estacionamento.

Também foram trocadas todas as janelas, o piso do prédio principal, pinturas dos ambientes e a pavimentação da área externa. Um investimento que deixou a aluna Rebeca Aylana surpresa e feliz.

“Como estudante eu não consigo mensurar a emoção que estou sentindo em ver a minha escola tão bonita. Eu queria agradecer por esse investimento. Quando a gente entra e vê uma escola tão bonita a gente sente mais vontade de estudar”, disse a aluna.

Josinelma, mãe de Rebeca, que acompanhou a filha e a entrega da escola, relatou o momento que entrou e relembrou da fase de estudante.

“Estou extremamente emocionada de participar desse momento. Quando cheguei aqui, eu sentei e chorei. Lembrei do meu ensino fundamental, médio, da graduação. É gratificante ver o compromisso que o Governo do Estado do Amapá tem com a educação”, comentou emocionada.

Lembranças que também foram despertadas no professor Elson Souza Pantoja, que já foi aluno da escola e atualmente faz parte do corpo docente.

“Acho que era o mais ansioso pela inauguração. A minha história com a escola Tiradentes vai além do profissional, estudei aqui e acompanhei toda a evolução da escola. É gratificante olhar essa mudança e contar com esses espaços que melhoram o ensino", afirmou o professor. 

Na ocasião, o governador do Amapá, Waldez Góes, reafirmou o compromisso em ampliar as escolas de novo saber e ressaltou o diferencial dessa modalidade de ensino que vai além do ensinar a matéria, mas que prepara os estudantes para a vida.

Para o chefe do Executivo, as escolas do novo saber são uma oportunidade da educação olhar a individualidade do aluno, a possibilidade do aluno escolher seu projeto de vida com segurança, respeitar as diferenças e transformar uma sociedade, onde os diferentes sejam capazes de construir juntos, tomar decisões importante para a sociedade, respeitando a diversidade e contribuindo para a construção do seu conhecimento intelectual.

“Mais do que um espaço físico de qualidade, estamos entregando um ensino diferenciado. Vamos levar esse modelo para outras escolas, pois é real a transformação que essa modalidade está fazendo na vida dos estudantes”, afirmou o chefe do Executivo.

E os resultados já são notados. De 120 alunos que concluíram o ensino médio na escola em 2019, 102 foram aprovados nas universidades. Além disso, aumentou o índice de aprovação, saindo de 83,48%, em 2017, que já era considerado bom, para um índice de excelência de 90,71% em 2019, e subiu o IDEB de 3,1 em 2015 para 3,8 em 2019.

Para a secretária Goreth Sousa, o conceito de metodologia implementado é fundamental para melhorar a escola e o ensino.

“Não queremos que o estudante venha só para a sala de aula, mas queremos que ele aprenda. Precisamos preparar essa juventude para desenvolver competências. O diferencial dessa escola é o conceito, a metodologia e a oportunidade dos nossos estudantes saírem preparados para a vida”, afirmou a gestora.

“Uma obra muito desejada, principalmente com esses novos espaços, como escovódromo e vestuário. Agradecemos e mantemos o compromisso de preservar e conservar a nossa escola”, disse o diretor da escola, Alexandre Bacelar.

O governo do Amapá já implantou 23 escolas do Novo Saber no Amapá, que possuem um ensino inovador com metodologias que possibilitam a preparação dos mesmos para uma trajetória onde possam ser protagonistas de sua própria história e conscientes das diretrizes a serem trilhadas em seus objetivos de vida.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Fotos: Erick Macias

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá