quinta, 17 de maio de 2018 - 12:48h - 184
Governo fortalece serviço de oncologia no Amapá
Profissionais, acadêmicos e técnicos da saúde têm três dias de aprendizado com grandes referências nacionais no assunto. Evento ocorre em Macapá.
Por: Elmano Pantoja
Foto: André Rodrigues
Evento ocorre no auditório do Senac, em Macapá

Foi aberto nesta quinta-feira, 17, pelo Governo do Estado do Amapá, o 1º Seminário Estadual de Oncologia e Oncohematologia, previsto para ocorrer até sábado, 19, no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em Macapá. O evento conta com a presença de profissionais de grande referência nacional e acadêmicos, objetivando discutir novos protocolos e tratamento do câncer como uma das formas de melhorar a qualidade da assistência aos pacientes com a doença no Amapá.

O evento, de alto nível, teve todas as duzentas vagas completadas em duas semanas de inscrições. Técnicos da área e acadêmicos de cursos da saúde têm na pauta discussões sobre prevenção do câncer; tratamento e cuidados com o paciente; aspectos nutricionais no pré e pós-operatório do doente oncológico e cuidados clínicos em oncologia. A novidade no seminário é a explanação "Odontologia e oncologia: prevenção, tratamento e cuidados", tema ainda pouco explorado.

Para o coordenador da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) do Hospital de Clínicas Alberto Lima (Hcal), Roberto Marcel, o Seminário Estadual de Oncologia e Oncohematologia é um momento de aprendizado e atualização que contribuirá para a melhoria dos serviços que são oferecidos no estado.

"Essa troca de experiência é extremamente importante, porque é um evento que traz ampla discussão e um alto nível técnico com grandes referências que estudaram a fundo e se especializaram em diversas áreas da oncologia. Com certeza, tudo que será abordado aqui, terá grande proveito", reforçou Roberto Marcel.

 Câncer no Amapá

O evento acontece em um momento importante para o Amapá, que está em fase de instalação da Unidade Fixa de Prevenção e Diagnóstico do Hospital do Câncer de Barretos (HCB). As obras são executadas em ritmo acelerado. O governo do Estado trabalha para que a população tenha atendimento integral de prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer. Junto ao Hospital de Barretos, a administração do Amapá garantirá, inicialmente, prevenção e diagnóstico da doença na mama e colo do útero. Depois, serão estendidos para câncer de pele, boca e outros.

As tratativas para implantação da unidade de prevenção e diagnóstico foram iniciadas no primeiro semestre de 2015, com visita técnica de gestores da saúde amapaenses a Barretos, e fortalecidas após a ida de parlamentares na unidade hospitalar no interior do Estado de São Paulo.

Quando a Unidade de Prevenção estiver pronta, no caso de um diagnóstico positivo, o paciente será encaminhado para tratamento na Unacon.

Outro passo importante da gestão é a construção do Hospital do Câncer. O projeto arquitetônico está finalizado e será encaminhado para análise do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O complexo será todo construído na zona norte de Macapá, onde está sendo instalada a Unidade de Barretos.

"O momento é muito oportuno, porque já estamos estruturando a Unidade de Barretos e todo o complexo de diagnóstico e tratamento do câncer. Por isso, para esse seminário, selecionamos cinco profissionais de especialidades distintas para darem o pontapé nas discussões quanto aos novos protocolos e diretrizes da oncologia e oncohematologia", explica o secretário estadual da saúde, Gastão Calandrini.

Com o sistema de atendimento contra o câncer completo – Unidade de Prevenção de Barretos, nova Unacon e tratamento de radioterapia –, além de vidas salvas, os custos com o Programa Tratamento Fora de Domicílio (PTFD) serão reduzidos significativamente.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá