quinta, 17 de maio de 2018 - 08:57h - 218
Sims chama a sociedade para combater crimes contra crianças e adolescentes
Mobilização ocorrerá nesta sexta-feira, 18, em frente à Fortaleza de São José das 16h às 19h, com diversas atividades, em parceria com a Rede Abraça-me.
Por: Iracilda Tavares
Foto: Maksuel Martins/Secom
Para a Sims, a melhor maneira de se combater a violência sexual contra criança e adolescentes é a prevenção

Além da Polícia Civil, a Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims) também vai realizar nesta sexta-feira, uma programação alusiva ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, lembrado em 18 de maio. Trata-se de uma mobilização que acontecerá em frente à Fortaleza de São José de Macapá, de 16h às 19h, com informes, fluxograma, orientação, panfletagem, apresentação musical e contação de estórias.

A ação será coordenada pela Sims em parceria com a Rede Abraça-me, composta por órgãos governamentais e não governamentais, que trabalham de forma articulada no enfrentamento à violência praticada contra o público infanto-juvenil.

Pela parte da manhã, os trabalhos realizados pelas instituições parceiras iniciam no Hospital da Criança e do Adolescentes (HCA), com informes sobre o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes, apresentação teatral, musical “Meu tesourinho” e distribuição de brindes.

A partir das 16h, em frente à Fortaleza de São José de Macapá, haverá informes sobre a Rede Abraça-me e sobre o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, além de panfletagem, orientações e apresentação cultural.

À noite, haverá uma blitz educativa sobre o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em toda a extensão da Orla de Macapá, comandada pela Ordem dos advogados do Amapá (OAB/AP). 

Para a secretária de Estado da Inclusão e Mobilização Social, Nazaré Farias, a melhor maneira de se combater a violência sexual contra criança e adolescentes é a prevenção. “É necessário um trabalho informativo junto aos pais e responsáveis e sensibilizar a sociedade sobre o problema. É nesse sentido que o Estado vem trabalhando, com ações educativa e preventiva”, enfatizou a secretaria.

A Polícia Civil, também promoverá nesta sexta-feira um evento para alertar à população sobre a importância do enfrentamento aos crimes praticados contra crianças e adolescentes. A programação ocorrerá de 8h as 13h, na Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Contra a Crianças e Adolescentes (Dercca), na Avenida Fab, no Centro de Macapá. No local, serão oferecidos diversos serviços nas áreas de saúde, educação e cidadania.

Quem souber de algum caso de violência sexual infantil, deve procurar o conselho tutelar, delegacias especializadas, Polícia Militar, Polícia Federal ou ligar para o Disque 100.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá