terça, 15 de setembro de 2020 - 12:15h - 1188
Procon interdita posto de combustível fluvial no Igarapé da Fortaleza
A fiscalização revelou algumas irregularidades, como a instalação do posto em local diferente do que foi autorizado. O sistema de segurança também estava comprometido.
Por: Lourenna Carvalho
Foto: Ascom/Procon
O Posto estava funcionando em local não autorizado.

O Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá-Procon/AP interditou nesta terça-feira, 15, um posto de combustível fluvial que atuava no Igarapé da Fortaleza, no limite entre Macapá e Santana, por estar funcionando fora das normas exigidas pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

O Procon foi informado, através de denúncias, que o posto estava funcionando em um local irregular podendo causar algum acidente naquela região, onde dezenas de embarcações atracam todos os dias. Os fiscais confirmaram que o posto foi instalado em uma área diferente da que foi autorizado.

Além disso, técnicos do Corpo de Bombeiros detectaram irregularidades no sistema de segurança e as notas fiscais também foram analisadas. Diante da situação, o órgão de defesa do consumidor interditou os bicos e as bombas, até que o proprietário regularize a situação.

Também participaram da fiscalização a Delegacia do Consumidor (Decon) Promotoria do Consumidor (Prodecon), Capitania dos Portos e Receita Estadual.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá