terça, 14 de junho de 2016 - 15:28h - 4214
Aumenta o número de queimados atendidos no HE
O número de vítimas de queimaduras já tem resultados superiores ao de 2015, que no período de janeiro a março registrou 28 casos.
Por:

O Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) do Hospital de Emergências (HE) registrou no primeiro trimestre deste ano, 124 atendimentos a vítimas de queimaduras. De acordo com dados estatísticos, no ano de 2015 foram 317 casos registrados.

O número de vítimas de queimaduras já tem resultados superiores ao de 2015, que no período de janeiro a março registrou 28 casos.

São diversas as causas de queimadura, como óleo, água quente, álcool, dentre outros, sendo que fogo lidera com 60% o índice de vítimas que dão entrada no HE. As crianças são as maiores vítimas dessas estatísticas.

O enfermeiro chefe do CTQ, Daniel Fernandes, diz que ainda não teve registros de vítimas envolvidas com fogos de artifícios, mas que faz um alerta para que os pais não deixem explosivos ao alcance de crianças. “Esses casos ainda não foram registrados aqui no CTQ este ano, mas o correto é os pais ou responsáveis não deixarem a criança se apropriarem desses artefatos, pois assim, evitam que venha acontecer acidentes”, alertou.


Cuidados

Daniel esclarece como proceder nos casos de acidente com queimaduras. “Dependendo dos casos, se não for com produtos corrosivos como soda cáustica, a primeira iniciativa é colocar a área lesionada sob água corrente e fria. Isso deve ser feito pelo máximo período de tempo possível para esfriar a lesão. Se o local não é resfriado, a lesão vai aumentar e o calor se dissipará pela área atingida”, explica o enfermeiro chefe.

Ele ressalta que não deve ser colocado nenhum tipo de substância no local lesionado. “Nem pó de café, cremes contra assaduras e nem mesmo manteiga podem ser usados no local onde está lesionado. Isso não deve ser feito, pois aumenta consideravelmente os riscos de infecção”, finaliza Daniel.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá