sexta, 15 de maio de 2020 - 19:39h - 6262
Lockdown: Amapá restringe circulação de pessoas e implanta rodízio de veículos
Governo do Amapá adota medidas ainda mais restritivas que entrarão em vigor a partir de terça-feira, 19, em todo o estado.
Por: Weverton Façanha
Foto: Philippe Gomes/Secom
Governador Waldez Góes ao lado do prefeito de Macapá, Clécio Luiz Vieira.

O governador do Amapá, Waldez Góes, anunciou nesta sexta-feira, 15, que o decreto de isolamento social será prorrogado e, a partir de terça-feira, 19, será instituído o lockdown regionalizado por dez dias, em todo o estado.

As novas medidas mais restritivas não afeta supermercados, atacadões, farmácias e similares que enquadram-se em serviços essenciais e, por isso, continuarão abertos, seguindo recomendações de horários e atendimentos diferenciados.

De acordo com o governador, a medida busca achatar a curva de contágio, que no atual cenário atinge mais de 200%. O objetivo é diminuir os índices de casos confirmados que, segundo o último boletim, supera 3,6 mil infectados.

“Mesmo com os esforços de todos nós, em especial da população que atende a recomendação de ficar em casa, o crescimento acelerado de casos da Covid-19 nos obriga a adotar medidas mais rígidas de isolamento social”, ponderou.

Todas as ações serão preventivas e repressivas, inclusive com a aplicação de multas. As atividades essenciais seguem as mesmas regras de funcionamento previstas no Decreto Estadual nº 1616, que estipula horários e formas de atendimento.

A decisão das novas medidas foi construída com as orientações do Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública, dispositivo criado pelo Governo do Amapá para gerenciar a crise de Covid-19 no estado.

O lockdown é baseado em estudos técnicos e científicos, e referendada pelo Conselho de Gestão Fiscal e as prefeituras. Todas as ações foram repassadas anteriormente aos representantes do Poderes Judiciário e Legislativo do Amapá.

Novas medidas

  • Barreiras sanitárias –para verificação das placas dos veículos, medir a temperatura de motoristas e ocupantes, distribuição de máscaras, desinfecção das ruas, testes rápidos nos vizinhos dos infectados e fiscalização em estabelecimentos comerciais para cobrar a aplicação das medidas sanitárias.
  • Rodízio de veículos – as placas com números ímpares poderão circular nos dias ímpares e as placas de numeração pares nos dias pares. Em caso de descumprimento haverá multa, de acordo com o Código Brasileiro de Trânsito. As exceções são para servidores da linha de frente, como Saúde e Segurança Pública.
  • Proibição de circulação em logradouros – a medida vale para praças, parques, orlas, entre outros locais que podem concentrar aglomerações de pessoas.
  • As ações nos bairros terão o envolvimento de profissionais das áreas da Saúde, Vigilância Sanitária e Segurança Pública do Estado e Município.
GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá