quarta, 15 de maio de 2019 - 23:24h - 1396
Estado mobiliza comitiva para celebrar Dia de Cabralzinho com obras e serviços em Amapá
Foram assinados quatro convênios no valor de R$ 1,7 milhão e anunciada a reforma e ampliação do sistema de distribuição de água e obras de mobilidade urbana..
Por: Henrique Borges
Foto: Maksuel Martins / Secom
Durante as comemorações, o governador Waldez Góes falou das obras em andamento e dos compromissos futuros com a cidade

Nesta quarta-feira, 15, feriado do Dia de Cabralzinho, o Governo do Amapá formalizou quatro convênios com a Prefeitura de Amapá, distante 305 km da capital. O investimento no valor de até R$ 1,7 milhão garante a contrapartida para a execução de obras e reformas de urbanização, sinalização turística e iluminação pública. A solenidade aconteceu durante a programação em homenagem a Francisco Xavier da Veiga Cabral, o Cabralzinho.

Os convênios foram assinados entre a Secretaria de Desenvolvimento das Cidades (SDC) e a Prefeitura de Amapá. A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa), a Secretaria de Estado dos Transportes (Setrap), a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf) e a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) também estavam presentes para garantir a programação cultural do evento, execução de recapeamento asfáltico e para anunciar a reforma e ampliação no sistema de distribuição de água do município e da Vila do Sucuriju.

O governador Waldez Góes participou do hasteamento da bandeira e assistiu as apresentações de alunos das escolas do município, como parte da programação de homenagem a Cabralzinho, e após a assinatura dos convênios, anunciou que o governo está trabalhando nas obras em andamento e nos compromissos que ainda vão ser executados.

“Toda minha equipe está presente aqui pela razão do trabalho. Os próximos anúncios, enquanto o prefeito Carlos Sampaio trabalha as obras do ano passado, vão começar agora com as audiências para tocar as obras desse ano. Também vamos atuar para destravar a construção do muro de arrimo e iniciar a obra do hospital”, comunicou Góes.

Durante as apresentações, os alunos declamaram poemas e encenaram a batalha entre brasileiros e franceses, que culminou na derrota do capitão Lunier, que comandava a Legião Estrangeira, por Cabralzinho, que fazia parte da junta governativa denominada de Triunvirato.

A estudante da Escola Estadual Vidal de Negreiros, Julia Andressa, 15 anos, declamou um poema sobre Cabralzinho e foi oradora da encenação da batalha. Ela ficou muito honrada com a presença das autoridades e falou sobre a importância de lembrar a história do município onde vive.

“Estou muito feliz em poder, junto com meus amigos, encenar essa batalha e fazer com que todos que participaram desse momento, pudessem lembrar sobre a história do município de Amapá", enalteceu a estudante.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Maksuel Martins/Secom

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá