sexta, 14 de fevereiro de 2020 - 19:35h - 473
Agricultores podem acessar mais de R$ 300 mi em créditos rurais no Amapá
Valor proveniente do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte é disponibilizado através do aplicativo Terras.
Por: Henrique Borges
Foto: José Baia
Técnicos participaram de capacitação para alcançar os pequenos e grandes produtores em todo o estado.

O Governo do Amapá e o Banco da Amazônia (Basa) incentivam o acesso à linha de créditos para agricultores locais. São mais de R$ 300 milhões do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO) disponibilizados para o estado em 2020.

Ao todo, a região Norte soma R$13 bilhões de valores disponíveis. Para o acesso ao incentivo, os interessados devem fazer o download do aplicativo “Terras”, compatíveis para versões de sistema Android e também computador.

A ferramenta concentra serviços de análise socioambiental das propostas de fomento rural, tanto do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), quanto de linhas de crédito financiadas pelo Basa voltadas ao agronegócio.

Como parte desse incentivo ao acesso do crédito, técnicos do Instituto de Extensão, Assistência e Desenvolvimento Rural do Amapá (Rurap) passaram por uma capacitação, na quinta-feira, 13 e nesta sexta, 14, sobre o uso do App Terras.

O vice-governador, Jaime Nunes, participou do encerramento da capacitação e comentou a respeito da responsabilidade do Governo em dar alternativas aos empreendedores do segmento rural.

“Os técnicos têm a responsabilidade de oportunizar desde o pequeno ao grande produtor, por isso é fundamental essa iniciativa do Rurap e do Banco da Amazônia”, destacou Nunes.

Para a gerente-geral do Banco da Amazônia no Amapá, Joana Lima, a capacitação vai aumentar o alcance do acesso as linhas de crédito. Ela comemora a parceria com o governo e comenta os futuros resultados positivos.

“Nós já temos uma relação muito próxima com o setor produtivo. A partir disso, com a segurança da análise sócio ambiental que o aplicativo disponibiliza, vamos chegar a lugares mais distantes e alcançar mais produtores”, disse.

App Terras

O Banco da Amazônia implantou o “Terras” em 2017, através do Pronaf, no Pará e no Acre, e, a partir de 30 de abril de 2018, passou a ser obrigatório em todos os estados em que o banco tem atuação, dentre eles o Amapá.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá