sexta, 12 de janeiro de 2018 - 18:00h - 509
Governo do Amapá beneficia acadêmicos com bolsas de estudo
Foram selecionados acadêmicos nas áreas de mestrado, doutorado e pós-dourado.
Por: Fabiola Gomes
Acadêmica contemplada com a bolsa de estudos recebe o documento das mãos do secretário de Ciência e Tecnologia, Rafael Pontes

Quatorze selecionados para o programa de bolsas da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amapá (Capes/Fapeap) assinaram nesta sexta-feira, 12, o termo de concessão de bolsas, divididas entre mestrado, doutorado e pós-doutorado.

O edital para o certame foi lançado em outubro de 2017 pela Fapeap, instituição vinculada à Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia (Setec), por meio da Chamada Pública Nº 003/2017, destinada a expandir e consolidar a pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado).

Durante 20 meses, os alunos de mestrado terão direito a uma bolsa de R$ 1.500 cada um. Quem foi selecionado para o doutorado receberá, por 36 meses, R$ 2.200. Os escolhidos para o pós-doutorado terão bolsa de R$ 4.100 durante um ano. O auxílio financeiro ajuda os alunos a se dedicarem nas suas teses e dissertações, com tranquilidade, enquanto estiverem vinculados ao programa.

Foram inscritas 23 propostas, sendo 13 para mestrado, duas para doutorado e oito para pós- doutorado. O processo de seleção contou com o apoio de pesquisadores especialistas nas áreas dos projetos, que avaliaram o mérito, a qualidade e a viabilidade de cada pesquisa apresentada.

O termo de concessão de bolsas expõe todas as responsabilidades e compromissos dos bolsistas com as instituições envolvidas no processo. A coordenadora científica da Fapeap, Rosimeire Trindade destacou que a maioria das pesquisas será desenvolvida no Amapá. “A grande maioria dos selecionados é estudante de universidades do Estado como a Unifap e a Ueap. Ficamos felizes em diagnosticar que nossos alunos estão, cada vez mais, preocupados e interessados em mais especializações”.

Selecionada para a bolsa de mestrado, Vaneska Aimê Paranhos frisou que após a sua graduação no curso química da Universidade Estadual do Amapá (Ueap), teve interesse em se inscrever no certame de mestrado, com vistas no apoio para o investimento.  Ela conta que irá trabalhar no estudo de duas espécies de plantas, que poderão ser utilizadas como conservantes naturais de alimentos.

“Quando o edital da Fapeap foi lançado, já entrei com a proposta com o meu orientador-professor. Após a conclusão da minha pesquisa, quero ajudar a fomentar o mercado local e produtores locais”, explicou Vaneska.

A concluinte do curso de enfermagem da Universidade Federal do Amapá (Unifap), Leitícia Barreto, 24 anos, foi selecionada para receber a bolsa de mestrado, com o projeto de atividade de repelente-inseticida, por meio do estudo de óleos essenciais de duas espécies de plantas da região amazônica. “Essa iniciativa é muito importante e favorece o interesse pelos estudos. O tempo de estudo para se concretizar um trabalho desses é longo e custoso financeiramente; muitos desistem por não terem condições de pagar. Estou muito feliz em ter sido selecionada”, afirmou a acadêmica.

Durante a solenidade de assinatura, o secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, Rafael Pontes, destacou que o edital dá oportunidade a profissionais que desenvolvem pesquisas no Estado do Amapá. “A ideia é consolidar, enquanto política pública, enquanto pesquisa e projetos que tenham seu acabamento metodológico com as instituições, trazendo assim, para o Estado, estratégias e instrumentos que sejam devolvidos à população amapaense todos os benefícios desses estudos”, afirmou Pontes.

GALERIA DE FOTOS

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá