quinta, 08 de novembro de 2018 - 16:02h - 208
Enem 2018: candidato é eliminado da primeira prova depois de ser flagrado com pen drive
Ocorrência foi registrada pela Polícia Militar do Amapá, no município de Santana, em balanço parcial divulgado nesta quinta-feira, 8.
Por: Ailton Leite
Foto: Netto Lacerda/Sejusp
Foram empregados 350 militares em todos os locais de prova, bem como, nas rotas de distribuição, análise de risco e planejamento

A Polícia Militar do Amapá (PM) divulgou nesta quinta-feira, 8, o balanço parcial da Operação Enem 2018, realizada no último domingo, 4, quando ocorreu a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Foram registradas cinco ocorrências, sendo duas na capital Macapá e três no município de Santana – 16 a menos que a operação em 2017.

Em Macapá, as ocorrências registradas foram dois princípios de incêndio na área externa de um dos locais de prova, que foram prontamente controlados pelo Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP).

Já no município de Santana, foram três: conduta irregular de candidato, ameaça em locais de aplicação e falta de energia elétrica em um dos locais de prova. Uma equipe da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) foi acionada e o serviço foi reestabelecido sem causar prejuízo aos candidatos. Não houve registros de ocorrências nos outros municípios.

“O que chamou a atenção em Santana foi um candidato flagrado portando um pen drive durante a prova, o que é proibido. Ele foi eliminado por conduta irregular”, informou a chefe da Divisão de Imprensa e Marketing da PM, tenente Annie Monteiro.

Fazendo um comparativo com a operação de 2017, o número de ocorrências em 2018 foi menor. Segundo a PM, no ano passado foram 21 registros: uma tentativa de fraude, sete atendimentos médicos, oito ocorrências de perturbação do sossego e cinco tentativas de furto na área externa das escolas.

Policiamento

A PM empregou 350 policiais militares em todos os locais de realização do certame, bem como, nas rotas de distribuição, análise de risco e planejamento. Para o próximo domingo, 11, segundo dia da prova do Enem, será disponibilizado o mesmo quantitativo de militares empregados no dia 4 de novembro.

Assim como no primeiro dia da prova do Enem 2018, a Polícia Militar deve receber o apoio de outras instituições como o Corpo de Bombeiros, que no domingo atuou com 75 militares; equipe da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (E.C.T), que contou com 59 profissionais, além de agentes da Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) e da Polícia Federal.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá