domingo, 22 de novembro de 2015 - 10:46h - 10216
Encontro dos Tambores: Comunidades negras fazem festa no Centro de Cultura do Amapá
As apresentações seguem até o dia 23 deste mês.
Por: Phillippe Gomes
Muito batuque nas caixas de marabaixo, música e dança marcaram o segundo dia de apresentações do Encontro dos Tambores desse ano. Na noite deste sábado, 21, pelo menos 15 grupos de comunidades quilombolas do Estado dançaram e se manifestaram na sede do Centro de Cultura Negra do Amapá (CCNA), localizada no bairro Laguinho. As apresentações seguem até o dia 23 deste mês.

O Encontro dos Tambores é uma das manifestações culturais mais importantes do Amapá e reúne diversos grupos de todo o Estado que apresentam danças tradicionais da cultura de matriz africana. A programação faz parte das ações e atividades em alusão ao Mês da Consciência Negra, organizado pelo Governo do Estado do Amapá (GEA), através da Secretaria Extraordinária de Políticas para os Afrodescendentes (Seafro).

Para a secretária de Políticas Afrodescendentes, Núbia de Sousa, o encontro fortalece a valorização cultural do Amapá e garante a continuidade da tradição. “Temos que mostrar a importância da história e luta do povo negro. O encontro consiste em reunir não só um grupo, mas todos, para reflexão e conscientização de que não devemos deixar morrer a nossa tradição”, afirmou.

A represente do grupo Berço do Marabaixo, um dos mais tradicionais do Amapá, Valdinete Costa, disse que esse ano o Encontro dos Tambores está diferente dos anos anteriores pois, segundo ela, todos estão participando: as comunidades, o poder público e os grupos de marabaixo.

"Estamos comemorando com muita dança e fogos. Isso aqui representa os negros, vamos continuar brigando por nossos direitos e representando nossos ancestrais”, finalizou.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá