quinta, 05 de julho de 2018 - 17:21h - 581
Primeira mulher eleita pelo voto acadêmico toma posse como reitora da Ueap
Durante cerimônia de posse, Governo do Estado reafirmou o compromisso em garantir novas conquistas para a instituição.
Por: Gabriel Dias
Foto: André Rodrigues / Secom
Governador Waldez Góes assina o termo de posse de Kátia Paulino, como nova reitora da Ueap

A nova reitora da Universidade do Estado do Amapá (Ueap), Kátia Paulino, tomou posse na manhã desta quinta-feira, 5, como a primeira mulher eleita pelo voto acadêmico direto nos 12 anos de existência da instituição. A solenidade de posse aconteceu no Campus I, com a presença de autoridades, servidores e acadêmicos.

Paulino é apenas a segunda candidata à reitoria eleita pelo voto acadêmico direto, o primeiro foi Perseu Aparício, que deixou a administração da universidade para que assumisse a nova reitora. Nos anos anteriores, a escolha do reitor era feita através de nomeação do governo do Estado.

Para o governador do Amapá, Waldez Góes, a posse da reitora foi um momento de celebração da democracia no ambiente acadêmico e dos avanços da Ueap ao longo de sua existência. “São 12 anos, 14 cursos, mais de 2 mil alunos formados e muitos outros avanços na área de pesquisa e de expansão da universidade”, frisou o chefe do Executivo.

Além disso, Góes reafirmou o compromisso do Estado em garantir novas conquistas para a instituição. “São muitos avanços, mas precisamos corrigir as deficiências que ainda existem, por isso vamos garantir novos investimentos, com o aumento do orçamento para a universidade em 2019 e a aplicação de recursos que o Estado tem disponível do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social [BNDES], em áreas prioritárias para a instituição”, anunciou o governador.

A nova reitora integra o quadro efetivo da universidade e é vinculada ao Colegiado de Pedagogia. Entre suas principais metas para a instituição, durante os quatro anos de mandato, será dar continuidade aos avanços nas áreas de pesquisa, projetos e estrutura, aumentando a credibilidade da Ueap. “Esse é um momento de reconhecer os avanços, e dar continuidade para melhorar o que tem que melhorar. Para isso, precisamos montar uma rede colaborativa entre a universidade, o Governo do Estado e os movimentos sociais”, destacou a reitora.

Também tomou posse, como vice-reitora, a professora Marcela Videira, além de quatro pró-reitores que cuidarão dos setores de planejamento e administração, graduação, extensão e pesquisa e pós-graduação.

Avanços

A universidade vive um cenário favorável para mais investimentos na qualidade do serviço prestado aos acadêmicos. A instituição conseguiu controlar o déficit financeiro e reduzir em 92,5% o grau de endividamento nos últimos quatro anos. De R$ 4 milhões, em 2014, os débitos da Ueap ficaram em R$ 300 mil, em 2018. Com as contas estabilizadas, a universidade poderá melhorar a aplicação dos R$ 700 mil que recebe mensalmente do Governo do Amapá para a estruturação e assistência estudantil.

No mês de junho, o governo estadual inaugurou o Campus da Região dos Lagos, no município de Amapá. Trata-se do primeiro campus da Ueap no interior do Estado, que atende também alunos dos municípios de Calçoene, Tartarugalzinho e Pracuúba. Além disso, foi sancionada em 2017 a lei que garante o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) aos servidores lotados na instituição.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

André Rodrigues / Secom

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá