quarta, 06 de fevereiro de 2019 - 09:21h - 2074
Amapaenses já podem acessar créditos do FNO para financiar energia renovável
Proposta pelo governador Waldez Góes, linha de crédito vai financiar implantação de sistema de energia renovável para pessoas físicas e jurídicas.
Por: Gabriel Dias
Foto: Marcelo Loureiro/Secom
Alice Caxias já está elaborando projeto para economizar energia na sua panificadora no bairro Santa Rita, em Macapá

Após utilizar o Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO) para ampliar sua panificadora, Alice Caxias se prepara agora para investir em fontes de energia renovável para reduzir custos no seu empreendimento, localizado no bairro Santa Rita, em Macapá. Para isso, ela contará com o FNO – Energia Verde, linha de crédito destinada a financiar a produção de energias renováveis para consumo próprio na Região Norte.

“Já estamos elaborando o projeto para tentar acessar o financiamento, almejando uma economia com os custos de energia”, anunciou a empresária, referindo-se ao Banco da Amazônia, operador de créditos do FNO, administrado pelo Ministério da Integração Nacional. Pois, todo o processo para adquirir os recursos acontece na instituição financeira.

De acordo com o superintendente regional do Banco da Amazônia, Luiz Lourenço, o FNO – Verde é destinado, tanto para empreendedores, quanto para pessoas físicas que queiram implantar um sistema de energia renovável para consumo próprio. “A ampliação do acesso à energia fotovoltaica para todo cidadão é muito importante, pois favorece o desenvolvimento regional e valoriza a energia limpa”, frisou Lourenço.

O uso de placas fotovoltaicas pode gerar economia de até 95% na conta de luz do consumidor. Os interessados na linha de crédito também vão dispor de condições facilitadas como taxas de juros mais baixas, maior prazo para pagamento e bônus de adimplência.

O financiamento foi autorizado pela Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) após apresentação de proposta pelo governador Waldez Góes durante o 14º Fórum de Governadores da Amazônia Legal, em 2017.

FNO

O governador Waldez Góes e o presidente do Banco da Amazônia, Valdecir Tose, assinaram no último dia 31 de janeiro, o Protocolo de Intenções para a Aplicação de Recursos do FNO - instrumento de política pública federal que visa contribuir para o desenvolvimento econômico e social da Região Norte.

Em 2019, o Amapá terá inéditos R$ 450 milhões para serem investidos no setor produtivo e também na ampliação e modernização de negócios. Desse valor, R$ 273,4 milhões são das diversas vertentes de crédito do FNO e, R$ 19,8 milhões da Carteira de Crédito Comercial. Os recursos das demais fontes somam mais de R$ 110 milhões e serão aplicados segundo a dinâmica econômica local e a demanda apresentada pelo Estado.

Para mais informações sobre o FNO e demais linhas de crédito do Fundo, basta acessar o site www.bancoamazonia.com.br ou procurar uma das agências existentes nos municípios de Macapá, Santana ou Laranjal do Jari.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá