sexta, 04 de maio de 2018 - 16:59h - 1891
Em livro, jornalista relata como superou a perda do filho vítima de acidente de trânsito
Luciane Gomes participou do lançamento da campanha Maio Amarelo, pela conscientização de todos por um trânsito mais seguro.
Por: Ailton Leite
Foto: Maksuel Martins / Secom
Jornalista Luciane Gomes conta o sofrimento com a perda e o recomeço, com a chegada de um casal de filhos

A dor de perder o filho de apenas 4 anos, vítima da imprudência de um motorista, e como ela e o esposo deram a volta por cima, estão relatadas no livro "Tornastes meu Pranto em Alegria", da jornalista amazonense Luciane Gomes. A autora foi convidada a participar do lançamento da campanha Maio Amarelo, que aconteceu nesta sexta-feira, 4, no auditório de uma faculdade particular, no bairro do Laguinho, em Macapá.

O acidente com o filho da jornalista aconteceu no dia 13 de junho de 2010, na cidade de Manaus, no Amazonas, durante a procissão em homenagem a Santo Antônio. “Estava com minha família em frente à casa de minha mãe, quando o motorista, que estava embriagado, tentou voltar, pois, não teria como passar pela rua por causa da multidão. Ele acabou invadindo a calçada da casa, atropelando minha mãe, uma tia minha, alguns vizinhos e meu filho, que veio a óbito no local”, lembrou Luciane.

O livro foi idealizado com o objetivo de passar uma mensagem de fé, esperança, renovação e tentar mostrar que, mesmo diante de tanta dor, choro, luto, é possível recomeçar. “Há um tempo de chorar, mas também há o tempo de voltar a viver”, acrescentou a jornalista.

O título do livro "Tornaste meu Pranto em Alegria", é um trecho do Salmo 30, da Bíblia Sagrada, que ficou guardado no coração da autora logo após a tragédia. Após o nascimento de um casal de filhos, foi que a jornalista percebeu o sentido da frase que intitula o livro. “Quando começamos a escrever o livro, percebemos o quanto esta frase se encaixava em nossas vidas. Nossos filhos trouxeram a alegria novamente ao nosso lar. Nós choramos, mas hoje, estamos felizes porque recomeçamos, claro, que nos permitimos recomeçar. Esse recomeço é uma das principais mensagens que buscamos mostrar para as pessoas que, assim como nós, sofreram com a perda de um ente querido vítima de acidente de trânsito”, relatou a autora.

Maio Amarelo

A campanha internacional Maio Amarelo busca conscientizar condutores, ciclistas e pedestres a tornarem o trânsito cada vez mais seguro para todos. De acordo com o diretor adjunto do Departamento Estadual de Trânsito do Amapá (Detran/AP), José Furtado, a programação deste mês une todos os órgãos envolvidos no trânsito para a discussão, buscando democratizar e atingir o alvo principal, que são os entes envolvidos. “É o momento em que o ente público fomenta as ações chamando a sociedade em geral para a conscientização. O trânsito somos todos nós, e é importante que todos se conscientizem de que há alguém em casa lhe esperando”, frisou Furtado.

As atividades para este mês serão desenvolvidas desde a parte educacional, por meio de ações voltadas para chamar a atenção de motoristas, ciclistas e pedestres, até a parte repressiva, através de operações e fiscalizações, com o objetivo de garantir a diminuição nos índices de acidentes de trânsito em todo o Estado.

Parceiros

A Polícia Militar do Amapá (PM/AP), através dos Batalhões de Trânsito (BPTran) e de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE), é parceira na campanha. De acordo com o comandante do BPTran, tenente-coronel Marcelo Cavalcante, a PM/AP atua nas ações preventivas e repressivas. “Temos uma equipe que trabalha a parte preventiva, principalmente nas escolas, levando as informações através de palestras para os jovens, para que esses possam se conscientizar, assim como, transmitir as informações aos seus familiares”, explicou o militar.

O comandante ressalta que o trânsito é estressante, mas é importante que todos saibam ter o controle para evitar os acidentes, sempre obedecendo à legislação, os limites de velocidade e a sinalização. “Aí entra a parte repressiva, que é importante, uma vez que, por mais que existam diversas campanhas, ainda há aquela minoria que insiste em desobedecer às leis”, ponderou Cavalcante.

Para o comandante do BPRE, capitão Rondinele Marques, este é o momento em que os órgãos envolvidos se unem em busca de um só objetivo, um trânsito melhor. Ele ressaltou que é importante que o cidadão entenda o seu papel enquanto condutor. “A gente acha que nunca vai se envolver em um acidente de trânsito, ou que isso nunca vá acontecer com um familiar nosso, quando percebemos, já estamos envolvidos. É importante que entendamos nosso papel e que possamos ser exemplos para todos que nos cercam, e não só isso, mas multiplicadores das ações que serão transmitidas durante o mês de maio”, frisou Marques.

Durante a campanha, serão realizadas diversas atividades como blitzes educativas, oficinas, workshops, caminhadas e ações de cidadania para garantir que a campanha seja efetiva entre ciclistas, motoristas e pedestres. Para esta edição, a novidade será a realizações de Feiras de Trânsito em alguns municípios do interior do Estado.

Programação

9/5 – Oficina Observatório de Trânsito

Local: Auditório da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS)

Horário: 14h

 

11/5 – Passeio motociclístico – educação para a saúde.

Local: Complexo do Araxá

Horário: 16h

 

12/5 - Oficina de Manobra de Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP)

Local: Parque do Forte

Horário: 16h

 

17/5 - Palestra sobre trânsito para o Amapá Jovem

Local: Escola Estadual Coelho Neto

Horário: 8h

 

18/5 - Blitz de orientação contra o abuso sexual

Local: Ruas de Macapá

Horário: 16h

 

19/5 – Feira de Trânsito

Local: Escola Estadual Meu Pé de Laranja Lima

Horário: 10h

 

19/5 - Palestra sobre transito para o Amapá Jovem em Laranjal do Jari

Local: Escola Estadual Mineko Hayashida

Horário: 8h

 

22/5 - Palestra sobre trânsito para o Amapá Jovem em Mazagão

Local: Escola Estadual Dom Pedro

Horário: 8h

 

22 e 24/5 - Oficinas de Trânsito seguro no Oiapoque

Local: Escolas municipais do Oiapoque

Horário: 10h

 

23/5 – Caminhada Segura no Oiapoque

Local: Ciretran de Oiapoque

Ação de cidadania e Saúde

 

23/5 – Protocolo de atendimento em acidente em estradas e rodovias com múltiplas vítimas

Local: Marco Zero

Horário: 16h

25/05 - Palestra sobre trânsito para o Amapá Jovem de Oiapoque

Local: Ciretran/Oiapoque

Horário: 8h

 

25 e 26/5 – Feira de Trânsito em Tartarugalzinho

Escola Municipal Raquel da Paz Oliveira – 8h

Escola Municipal Professora Jucicleide dos Santos Ferreira – 15h

Escola Raimunda Lobato – 8h

 

27/5 - Palestra sobre trânsito para o Amapá Jovem em Santana

Local: Centro Vitória Régia

Horário: 8h

 

28 e 29/5 - Workshop Cetran

Local: Detran

Horário: 14h

Legislação de trânsito para Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari), agentes de trânsito e Conselho Estadual de Trânsito (Cetran)

 

28 e 29/5 –Feira de Trânsito em Amapá

Escola Estadual Maria Do Céu Goncalves Dias – 15h

Escola de Educação Infantil Pimpolho – 15h

 

30 e 31/5 – Feira de Trânsito em Ferreira Gomes

Creche Sarah Salomão – 14h

Escola Estadual João Cordeiro – 14h

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Maksuel Martins / Secom

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá