domingo, 03 de março de 2019 - 10:40h - 1965
Bloco da Responsa: esquema de segurança leva mais de 500 militares ao Carnaval de Santana
Aparato inclui 397 policiais militares e 154 bombeiros, além da presença de profissionais da Saúde e ações da Operação Lei Seca.
Por: Andreza Teixeira
Foto: Irineu Ribeiro/Secom
Serão 300 militares da polícia por noite de evento, que prossegue até a próxima terça-feira gorda de Carnaval

O esquema de segurança organizado pelo Governo do Amapá garantiu uma noite segura no primeiro dia do Carnaval de Santana. O esquema conta com 394 policiais militares e 154 bombeiros, que atuam durante todo evento, além de profissionais de saúde e da Operação Lei Seca – que previne crimes de trânsito.

Neste sábado, 2, o governador, Waldez Góes, prestigiou a abertura da programação, que vai até a terça-feira gorda, 5 de março. O evento é realizado pela Prefeitura de Santana e pela Liga dos Blocos de Micareta e Carnaval de Santana (Liblomica).

A expectativa é que 50 mil pessoas compareçam ao tradicional Corredor da Folia, na Avenida Santana. O evento inclui blocos de micareta, shows com artistas locais, além de bares, boates, lanchonetes e restaurantes.

Góes frisou que a quadra carnavalesca de Santana já é conhecida por atrair um número expressivo de foliões. Ele ressaltou a importância do evento para a economia santanense, uma vez que muitos empreendedores atuam no Corredor da Folia.

"Reconhecemos que o Carnaval de Santana é diferenciado. Para garantir a segurança de todos, o Estado entra com um forte aparato de segurança, com a presença de diferentes órgãos. Tudo isso em parceria à organização do evento", registrou.

O forte aparato da Polícia Militar (PM-AP) e do Corpo de Bombeiros (CBM-AP) em Santana faz parte do Bloco da Responsa, uma ação do Governo do Amapá para assegurar a tranquilidade no Carnaval 2019.

O Bloco da Responsa também reúne ações da Departamento Estadual de Trânsito (Detran); Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS); e das secretarias estaduais de Saúde (Sesa), da Inclusão e Mobilização Social (Sims) e de Políticas para as Mulheres (SEPM).

O prefeito de Santana, Ofirney Sadala, reconheceu o apoio do governo do Estado. "É fundamental que nossos foliões e nossos empreendedores tenham tranquilidade para desfrutar o Corredor da Folia", ressaltou.

A estudante Mariane Silva, 23, aproveitou a folia com os amigos. "Vejo policiais e bombeiros por toda parte, então me sinto bem mais tranquila para ficar até mais tarde", explicou.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Irineu Ribeiro/Secom

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá