segunda, 03 de fevereiro de 2020 - 18:25h - 2088
Em comemoração ao aniversário de Macapá, GEA lança filmes produzidos no Amapá
São nove produções selecionadas pelo 1º edital de Produção Audiovisual do Amapá.
Por: Anne Santos
Foto: Arquivo/Secom
O lançamento acontece nesta quarta-feira, 05, a partir das 18h, na sala Cine João XXIII, do Cine Imperator.

Lugares e personalidades amapaenses como o Curiaú e o mestre Sacaca são inspiração para filmes produzidos no Amapá. O lançamento acontece nesta quarta-feira, 05, a partir das 18h, na sala Cine João XXIII, do Cine Imperator, em comemoração ao aniversário de Macapá. Ao todo são nove produções locais selecionadas pelo 1º edital de Produção Audiovisual do Amapá.

Para a produção dos curtas-metragens, filmes de curta duração, o Governo do Estado do Amapá, em parceria com a Ancine, por meio do Fundo Setorial Audiovisual, investiu R$ 3 milhões. Em um ano e meio de trabalho no segmento audiovisual, cerca de 1,2 mil empregos, entre diretos e indiretos, foram gerados no Amapá.

Para o lançamento foram convidados autoridades e apoiadores do segmento.

“É um momento histórico para o segmento do audiovisual, um edital sonhado há mais de uma década e hoje é realidade”, afirmou a gerente do Núcleo de Produção Digital do Amapá, Ana Vidigal.

Na quinta-feira, 06, a exibição dos curtas ocorrerá no Teatro das Bacabeiras aberto ao público com entrada gratuita.

CONFIRA A SINOPSE DOS CURTAS:

1 - Para Sempre -  Curta Metragem Ficção - Amora Filmes

 Sinopse

Num lugar ermo e belo, Roberto começa a reformar um velho casebre onde ele pretende morar com Amanda, amor de sua vida. Os dois se conheceram quando o rapaz trabalhou como ajudante de pedreiro na casa dela. Por ela ser uma garota de família rica, Roberto entendeu que única forma de ficarem juntos era fugindo. O esforço da reforma, no entanto, é árduo, e as dificuldades o fazem se perguntar se todo aquele sonho não passa de uma grande loucura. 

2 - Açaí -  Curta Metragem - Grafitte Comunicação

Sinopse

Dionlenon, está acostumado com a vida que leva ao lado da mãe, com quem mora numa periferia de Macapá. Ele sai em busca de dois litros de açaí para almoçar, mas não conta com uma viagem tão distante assim do seu porto-seguro que é o seu mundo. Uma jornada de herói como todas as outras já contadas, mas a partir da realidade de uma periferia da região norte do Brasil. A predileção pelo açaí, mundialmente conhecido e o prato principal da mesa do amapaense, retratada de maneira cômica aqui nesta obra, é o grande motivador para tudo o que se segue na trama, destacando a enorme importância que o produto tem dentro da cultura local.

3- Utopia – Curta Metragem - produtora Rayanne de Almeida Penha

Sinopse

Utopia, o sonho de viver o eldorado e o sonho de viver o cinema. Registro documental da busca de uma filha por histórias vividas pelo pai garimpeiro já falecido. Histórias vividas em garimpos pelos interiores do Estado do Amapá e relatadas através de companheiros do oficio. Um documentário que soma o registro dessa procura, com arquivos sobre esse pai, fotos, vídeos e cartas que ele escrevia para família relatando a vivência e as dificuldades do garimpo. Em paralelo a busca o documentário procura humanizar esses homens que dedicam suas vidas a terra, mais do que um registro o filme vem mostrar um relato íntimo e poético sobre a vida desses garimpeiros.

4 - Passar uma chuva - Curta Metragem - Martins & Miranda Produtora

Sinopse

O documentário Passar uma Chuva é uma busca pela figura do violonista Raimundo Nonato Barros Leal, sua história e seu violão. Um filme que busca, um contato mais íntimo com o homem que inspirou gerações de violonistas amapaenses, falando sobre sua música, sua chegada ao Amapá dos anos 50 e sua trajetória ao longo de quase 60 anos no estado.

5 - Encantados do Cri-ú - Curta Metragem DocumentárioJF PRODUÇÕES

Sinopse

O curta-metragem Encantados do Cri-ú traz narrativas da comunidade quilombola do Curiaú, comunidade localizada a 5 quilômetros do centro de Macapá. Narrativas de fenômenos sobrenaturais que estão na memória dos moradores da região.

6 - Sacaca – A Lenda - Curta Metragem Documentário -  Kelly Pereira Santana

Sinopse

O File sacaca – A Lenda é baseado em fatos reais, Raimundo dos Santos Souza (Sacaca), homem que se tornou respeitado, através do domínio e manipulação de plantas e ervas da Amazônia. Neto de escravos, estudou até o terceiro ano primário, e dedicou sua vida a curar os males físicos e psicológicos dos habitantes da cidade de Macapá. Seus conhecimentos o fizeram ser reconhecido e virar uma referência para pesquisadores de todo o mundo. Acusado injustamente por tráfico de drogas, o homem é preso e provoca indignação da população.

7 – Solitude - Curta Metragem AnimaçãoCastanha Filmes e Inventários Culturais

 Sinopse

Na Amazônia, Sol, de 25 anos, se recupera do término de mais um relacionamento abusivo, enquanto sua Sombra foge para o deserto do Atacama por não aguentar ver seu sofrimento. Quando Sol, enfim, começa a retomar seus espaços e sonhos próprios, sua Sombra busca independência. Ambas travam jornadas em busca de amor próprio e autoconfiança para redescobrir em solitude o caminho de volta uma para a outra.

 8 – A Montanha Dourada - Telefilme DocumentárioCastanha Filmes e Inventários Culturais

Sinopse

O garimpo do Lourenço, no norte do Amapá, segue atraindo pessoas movidas pelo sonho do ouro, apesar do extremo desgaste de corpos e de almas que a atividade proporciona. Entramos neste mundo pelo relato coral de jovens e antigos garimpeiros, que compartilham a ideia de que “o ouro nunca acaba”, e dão suas vidas em busca dele, cavando, jatando e moendo as pedras da montanha que guarda uma das maiores jazidas de ouro da região. A montanha está cada vez mais ferida, mas segue brilhando, ajudando a reproduzir uma história que já é contada há mais de um século e que continua sendo vivida.

9 – Super Panc Me - TelefilmeProduzido pela Castanha Filmes e Inventários Culturais

Sinopse

Uma jovem vlogueira entregadora de açaí­ e apaixonada por carne aceita realizar um documentário de guerrilha no qual precisa passar 21 dias se alimentando apenas de Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC). Ela enfrenta os desafios da mudança brusca de hábito alimentar e da realização audiovisual, enquanto persegue um excêntrico e fugidio especialista na área, enfrenta os resultados de atitudes inconsequentes e descobre os fascínios do reino vegetal.

Serviço:

Data: 05/02/2020

Horário: 18h

Local: Cine Imperator do Vila Nova, na Av. Pres. Vargas, Centro.

GALERIA DE FOTOS

Créditos:

Arte: John Barroso

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá