sexta, 01 de julho de 2016 - 16:40h - 3846
Balneários de Fazendinha e Perpétuo Socorro estão impróprios para banho
Imap divulgou resultado de análise da água em balneários. Os testes serão repetidos, semanalmente, até o fim do mês.
Por: Rafael Guerra
 Dos oito balneários que tiveram amostras de água analisadas pelo Instituto do Meio Ambiente e Ordenamento Territorial do Amapá (Imap), apenas dois foram classificados como impróprios para banho. Este é o primeiro resultado divulgado para as férias de julho. Os testes continuarão ao longo do mês e os resultados podem mudar.

Durante cinco semanas, técnicos do Imap coletaram água dos balneários de Fazendinha, Perpétuo Socorro, Curiaú e Lontra da Pedreira, em Macapá. No interior do Estado, foram testados Porto Grande, Ferreira Gomes, Curicaca, em Itaubal, e Mazagão Velho, em Mazagão. Destes, foram considerados impróprios para banho a Fazendinha e o Perpétuo Socorro.

Segundo o diretor de Meio Ambiente do Imap, Alan Costa, o índice de coliformes fecais encontrado nesses locais foi acima do permitido pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). “Esse é apenas o primeiro teste. Semanalmente, durante todo o mês, vamos manter as coletas de água e a atualização dos resultados”, explicou.

Todos os balneários testados e os respectivos resultados serão identificados com placas de aviso. Se houver alteração nos testes, as placas também serão trocadas.

 

Balneabilidade

Este tipo de teste analisa a qualidade da água do rio a partir do contato primário com a pele. São avaliados, principalmente, o nível de coliformes fecais, PH da água e outros reagentes.

Para que o balneário seja considerado próprio para o banho, o nível de coliformes não pode passar de 1.000un/100 ml da água. O índice de reprovação tem que ser igual ou superior a 80% dos testes realizados pela equipe do Imap.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá