terça, 13 de novembro de 2018 - 19:16h - 8965
Polícia Militar divulga balanço da Operação Enem 2018
Nos dois dias de prova foram 16 ocorrências, sendo cinco no primeiro e 11 no segundo dia de aplicação; Em 2017, a operação registrou 21 ocorrências.
Por: Da Redação .Colaboradores: Livia Monteiro
Foto: Philippe Gomes/Secom

A Polícia Militar do Amapá divulgou nesta terça-feira, 13, o balanço das Operação Enem 2018. Nos dois dias de prova foram 16 ocorrências, sendo cinco no primeiro e 11 no segundo dia de aplicação. Em 2017, a operação registrou 21 ocorrências.

No primeiro dia foram dois princípios de incêndio na área externa de um dos locais de prova, em Macapá. E três ocorrências em Santana: conduta irregular de candidato flagrado com pen drive, ameaça em locais de aplicação e falta de energia elétrica em um dos locais de prova.

No segundo dia, em Macapá, foram duas ocorrências de atendimento médico; uma de falta de energia; uma de furto no perímetro externo do local de aplicação de prova e uma de perturbação de sossego.

No município de Santana, foi registrada uma ocorrência de falta de energia e uma de atendimento médico. Na cidade de Laranjal do Jari, foram duas ocorrências de falta de energia e uma de incêndio no perímetro externo do local de prova.

E no município de Porto Grande, foi registrada uma ocorrência de falta de energia. Em todas as ocorrências os órgãos competentes foram acionados para o atendimento.

Logística

Desde a chegada das provas ao Estado do Amapá, foram empregados no apoio à aplicação do exame, 710 policiais militares em todos os locais de realização do certame, em oito municípios. Bem como, nas rotas de distribuição e análise de risco e planejamento.

No primeiro dia do Enem, foram empregados em locais de prova de Macapá, 229 policiais militares; no segundo dia, 218. No interior, 115 policiais no primeiro dia; no segundo dia, 148.

Outras instituições integraram a Operação Enem 2018 e apresentaram 156 profissionais no apoio ao segundo dia de provas. Nos dois dias da operação, foram 300 profissionais, entre eles integrantes dos Correios, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Federal e Companhia de Trânsito e Transportes de Macapá (CTMac).

Em cada dia de realização do certame, foram utilizadas 107 escolas para a aplicação das provas. A logística de entrega dos malotes contendo as provas totalizou 20 rotas, sendo 10 em Macapá, três em Santana, uma entre Macapá e Santana e, uma em cada um dos demais municípios com rotas de interiorização.

No segundo dia, nenhuma pessoa foi encaminhada a Delegacia de Polícia em todo estado.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá